Regional

Audiência pública sobre canalização do Córrego Tremembé
Apply here payday loans
Apply here payday loans

Encontro acontece na quarta-feira (12/02)

Em entrevista coletiva concedida na terça-feira (28/01) na sede da Subprefeitura Jaçanã/Tremembé, o Subprefeito Edison de Oliveira Vianna Júnior anunciou que, em parceria com a Secretaria da Infraestrutura Urbana e Obras (SIURB), a Subprefeitura realizará audiência pública para apresentação do "Estudo de Drenagem da Bacia do Córrego Tremembé". Será na quarta-feira (12/02), às 09h30, no auditório da Secretaria Municipal de Cultura (Av. São João, 473 - Centro).

Somente após a audiência pública será possível dar início à licitação da obra, que normalmente demora cem dias. Segundo o Subprefeito, a expectativa é de que a obra tenha início ainda no primeiro semestre deste ano. Trata-se de uma obra de macrodrenagem do Córrego Tremembé, cuja bacia tem dois quilômetros de extensão, ao custo de R$ 150 milhões. Os recursos para as benfeitorias serão advindos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), e deverá demorar aproximadamente dois anos para conclusão - que será antes do final dessa gestão.

O Subprefeito disse ainda que no projeto, ao longo da extensão do Córrego, está prevista a construção de seis reservatórios, cujo principal será na área do Horto Florestal e os demais na Rua São Cleto; Av. Maria Amália Lopes de Azevedo; no estacionamento da Dicico - Rua Manuel Gaya; Rua Athos Ribeiro e próximo à Estrada de Furnas (Córrego Piqueri).

Afirmou ainda que será possível obter bons resultados mesmo antes de a obra estar acabada, pois conforme cada reservatório for concluído o problema de enchente naquele local será solucionado.
A filosofia do projeto, números de vazão, capacidade dos reservatórios e outros detalhes técnicos do projeto de toda a bacia do Tremembé serão apresentados pelos projetistas responsáveis na audiência.

Prestando contas de 2013 e planejando 2014
Aproveitando o encontro com a Imprensa, o Subprefeito relatou a atuação da Subprefeitura na área de Zeladoria. Na esquina da Rua Mário Lago com a Rua Ari da Rocha Miranda, atrás do CEU Jaçanã, enfatizou o combate ao lixo e à instalação e permanência de dependentes químicos naquele local. Disse que realiza regularmente trabalho para evitar o agravamento do problema. Falou sobre a revitalização de praças na Região e o assentamento de guias e sarjetas na Estrada das Três Cruzes, que neste ano receberá melhorias na pavimentação, como também acontecerá na Av. Josino Vieira de Góes, na Vila Zilda. Outra via onde serão executados reparos, apenas em pontos críticos, é a Av. Cel. Sezefredo Fagundes, que necessita de recapeamento em toda a sua extensão, "mas não será feita por falta de recursos", destacou Vianna. Ele falou ainda da instalação de pluviômetros em locais estratégicos, para monitoramento de 14 áreas de risco na Região, e atendimento às famílias onde houve remoção e pagamento de aluguel social.
Salientou sobre as áreas de Saúde e Educação, destacando que houve investimentos na ordem de R$ 1,5 milhão, no Hospital São Luiz Gonzaga, em 2013. Os recursos foram para a contratação de médicos e operação de equipamentos de diagnósticos que estavam parados. Falou ainda que está prevista para o Jardim Tremembé e Jardim Joamar a construção de um novo modelo descentralizado de equipamento de educação e esporte, denominado Espaço CEU, e sobre o déficit de vagas, nos equipamentos de educação, onde faltam 10 mil vagas.
Na área de Cultura, o Subprefeito destacou a construção de uma biblioteca no bairro Flor de Maio. A obra não terá investimento de recurso público. Será realizada com recursos doados pela permissionária e pela concessionária de transporte coletivo da Região e empresas de outros segmentos. O Subprefeito ressaltou ainda a questão do transporte coletivo para a Região. Fez menção ao projeto do teleférico para a região dos morros (parte alta do Bairro), onde está situada a Fábrica de Cultura, em área muito acidentada e de difícil acesso de transporte convencional (ônibus). Ele está propondo o modelo de projeto alternativo que está sendo estudado pela SPTrans.
E para encerrar falou sobre a mudança do gabinete da Subprefeitura para outros locais do Distrito de Jaçanã e Tremembé. O assunto já foi questionado e debatido por munícipes e pelo Subprefeito, conforme publicado em edições do Jornal SP Norte no ano passado.

Apply here payday loans
Apply here payday loans
Apply here payday loans
Apply here payday loans



Fonte: Janio Pires
sp.norte@terra.com.br