Zona Norte

Alunos da Zona Norte se manifestam contra projeto de reorganização escolar

Na manhã desta quarta-feira (04/09), os estudantes da Escola Estadual Albino Cesar, do Tucuruvi, realizaram uma manifestação contra o Programa de Ensino Integral (PEI) proposto para ocorrer no colégio a partir de 2020.

A mudança prevê o fim do período noturno, o que para Paulo Gabeira, professor aposentado e Conselheiro Estadual da APEOSP, é grave: “A escola do período integral vai eliminar as escolas de período noturno que tem o EJA (Educação de Jovem e Adulto). [Os estudantes] não vão ter condições nenhuma de prosseguir com seus estudos interrompidos”.

Atualmente a PEI está presente em 417 escolas, com jornada de até 9h30, incluindo três refeições diárias. Além das disciplinas obrigatórias, eles contam também com disciplinas eletivas, que são escolhidas de acordo com seu objetivo.

Segundo a Secretaria da Educação do Estado de São Paulo (Seduc), ainda não foram definidas as novas escolas que receberão o PEI. A Seduc afirmou que decisão será tomada junto com a comunidade até o dia 13 de setembro.

Foto: Reprodução/Facebook



Topo