Histórias

Av. Coronel Sezefredo Fagundes | Uma das avenidas mais completas da região

Uma avenida de opções

Quem passa hoje pela Av. Cel. Sezefredo Fagundes – uma das mais extensas da Zona Norte e liga os bairros Tucuruvi, passando por Vila Mazzei, Jardim Tremembé, Serra da Cantareira, até a divisa com o Município de Mairiporã, vai encontrar diversas opções que facilitam o dia a dia. Os moradores do entorno se beneficiam da variedade de estabelecimentos e quem trabalha por perto não perde tempo ao se deslocar: tem tudo por lá! Duvida? Veja o especial sobre a avenida na edição impressa do SP Norte:

Na hora do almoço, opções gastronômicas não faltam: pizzas, lanchonetes, o tradicional “prato-feito” e alimentos orgânicos para manter a vida saudável. Falando em saúde, clínicas especializadas fazem a vida, literalmente, sorrir.

Quem está começando uma nova vida ou quer dar uma repaginada no visual da casa, lojas de móveis planejados também estão por lá.

Por toda sua extensão é possível encontrar um grande mix de serviços e comércio que vai desde lojas de roupas e calçados, de tecnologia, de brinquedos, até supermercados, academias, cabeleireiros, pet shop, escolas, concessionárias de veículos, entre outros estabelecimentos.

A antiga estrada de Juqueri

Muito antes de se tornar uma via de elevada importância na Zona Norte, a Av. Coronel Sezefredo Fagundes guarda em seu nome uma grande homenagem ao político que muito se dedicou ao bairro de Santana e redondezas.

Natural de Bragança Paulista, nascido no ano de 1868, Sezefredo Fagundes iniciou sua carreira militar na Guarda Nacional, chegando ao posto de Coronel-Comandante da 76a Brigada. Político de projeção, atuou tanto no Município de Juqueri, onde exerceu por diversas legislaturas o cargo de Presidente da Câmara, como posteriormente na capital, afiliado ao Partido Republicano Paulista, que era o partido situacionista da época.

Leia mais | Núcleo Engordador: história e natureza unidas

Em São Paulo, dedicou sua vida política principalmente na Zona Norte, tendo importante influência na construção das adutoras do Cabuçu, as quais vieram servir o bairro de Santana; na estrada para a velha Cantareira, manancial de abastecimento de águas da capital; e cooperou também na construção da Estrada da Cachoeira.

A antiga Estrada de Juqueri – como era conhecida –, recebeu a homenagem com a mudança do nome para Av. Coronel Sezefredo Fagundes, em 28 de dezembro de 1961.

 



Topo