Tecnologia e Games

Brasil Game Show: maior feira de games promete novidades diárias

A maior feira de games da América Latina está de volta à Zona Norte. Depois de uma edição na São Paulo Expo, a Brasil Game Show (BGS) retorna à região, no Expo Center Norte. E esse retorno é especial: será a décima edição da feira, e os organizadores prometem novidades tão grandiosas quanto.

A BGS será entre 11 e 15 de outubro, e a expectativa fica em torno das atrações e jogos que serão apresentados na maior feira de games da América Latina. Apesar de ser só daqui a seis meses, o fã de games deve ficar atento: a média de venda de ingressos superou em 42% no mesmo período do ano passado.

Os jogadores amadores e profissionais também devem ficar ligados no site da BGS (brasilgameshow.com.br): serão apresentadas uma novidade por dia até o início do evento. Os anúncios vão desde as atrações da feira até os parceiros e patrocinadores.

“Já temos mais de 90 estandes confirmados, número igualmente superior ao mesmo período de 2016”, afirma Marcelo Tavares, fundador e CEO da BGS. “Isso mostra a confiança e a certeza que a indústria e o público têm de encontrar na BGS o melhor, o maior e o mais atual conteúdo de games da América Latina”, completa.

Entre os convidados, já estão confirmadas as presenças de de Nolan Bushnell, criador do Atari, e de Hector Sanchez, que foi produtor de jogos das séries Mortal Kombat e Injustice. A marca Razer, referência em acessórios Tavares adianta que outros oito pesos-pesados da indústria de games serão anunciados.

A feira reúne estandes e atrações relacionadas a um universo crescente, principalmente no Brasil. Marcas e estúdios produtores juntam-se a convidados, em encontros com fãs e palestras sobre temas não somente do mundo dos games, mas também relacionados – como internet e cultura pop.

Os ingressos estão à venda. O quarto lote tem até 27% de desconto se comprados no site oficial da BGS, nos valores de R$ 65 (meia-entrada; para cada dia de evento) a R$ 195 (meia-entrada; passaporte para todos os dias). A meia-entrada é válida para quem doar um quilo de alimento não perecível na entrada da feira, além de estudantes, idosos, professores e pessoas com deficiência.

Topo