Brasil recebe 2 milhões de doses da vacina de Oxford

0

Um avião com 2 milhões de doses da vacina de Oxford/AstraZeneca contra a Covid-19 pousou no aeroporto de Guarulhos, em São Paulo, na manhã desta terça-feira (23).

Os imunizantes, produzidos pelo Instituto Serum, embarcaram ontem na cidade indiana de Mumbai e chegaram por volta às 6h30 (de Brasília) ao Brasil após uma escala em Dubai.

Na Fiocruz, no Rio de Janeiro, as vacinas vão passar por conferência de temperatura e integridade da carga, receberão etiquetas com informações em português e terão amostras encaminhadas para análise de protocolo e liberação pelo Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde.

A previsão é de que as doses estejam prontas ainda na madrugada desta quarta-feira (24) para serem incorporadas ao Plano Nacional de Imunização.

Segundo o ministério da Saúde, no próximo dia 27, o Brasil deve receber também mais dois lotes de Ingrediente Farmacêutico Ativo (IFA), com o equivalente de insumo para produção de cerca de 12 milhões de doses da vacina de Oxford pela Fiocruz, no Brasil.

Do final de fevereiro até julho deste ano, o Ministério da Saúde prevê distribuir aos estados mais de 230,7 milhões de doses de vacinas contra a Covid-19. Segundo o ministro Eduardo Pazuello, as doses garantem a continuidade da vacinação da população brasileira de forma igualitária e gratuita.

“Totalizaremos até 31 de julho quase 231 milhões de doses de vacinas contra a Covid-19, ou seja, o suficiente para dar mais tranquilidade de proteção à população contra essa doença”.

O Instituto Butantan, também comunicou que vai entregar outros 3,4 milhões de doses da CoronaVac  ao Governo Federal esta semana.

A expectativa inicial era a de fazer oito remessas diárias de 426 mil. Entretanto, segundo Dimas Covas, diretor do Instituto, já nesta terça serão entregues 1,2 milhão de doses.