Arte

Brilho e cor no 11º Drag Contest, no Centro Cultural da Juventude

Vai ter close certo e muita purpurina na 11a edição do Drag Contest! De maneira a incentivar a profissionalização de artistas, o concurso vai eleger a nova rainha drag queen. Depois de vários processos preparatórios e workshops, as divas estão prontas para arrasar no palco, mostrar seus talentos, conscientizar e dar um baile no preconceito.

Além do concurso, estarão presentes Tchaka (A Rainha das Festas); as apresentadoras do reality Drag me As a Queen (Canal E!) Ikaro kadoshi; Penelopy Jean e Rita Von Hunty; e a referência na cena drag, Aretha Sadick (a diva Miss Teryoza!).

Workshops preparatórios para o concurso com Zecarlos Gomes (foto: Gean Carlo)

A vencedora garante R$ 1 mil e a presença em um dos carros oficiais da 22a Parada do Orgulho LGBT, no próximo domingo (3/6). Em 2017, a vencedora foi a drag Lawanny Myon (foto no topo da matéria), do morador do Jardim dos Palmares, John Lindemberg Braga dos Santos.

“Tentei por quatro anos ganhar o título de Rainha Drag Contest. Mas sempre ficava no empate. No último ano, decidi levar algo diferente, mas sem sair do meu estilo de show. E como sempre amei o filme ‘O Estranho Mundo de Jack’, decidi levar esse tema. Foram três semanas de preparação, roupa,  música, cenários uma correria danada. Depois do Drag Contest, ganhei mas visibilidade, amadurecimento profissional, e as pessoas começaram a realmente conhecer Lawanny Myon”, afirma o artista, que fora dos palcos trabalha com vendas.

Sábado (26/5), às 19h. Grátis.

foto (topo): Bárbara Jadeh/Divulgação CCJ



Topo