Campanha incentiva a direção responsável no verão

0
1683

Estar a 100 km/h e ver redes sociais ao mesmo tempo é igual a dirigir de olhos vendados, mais do que suficiente para provocar um acidente grave

Na quarta-feira (28/11), o Governo de São Paulo lançou uma nova campanha de conscientização sobre direção responsável. A Artesp, Detran.SP e o Movimento Paulista de Segurança no Trânsito promovem ações com tema Verão é tudo de ON, fique OFF no trânsito. #FocaNaVida em rodovias e cidades para combater acidentes como o uso indevido do celular.

De acordo com o Movimento Paulista de Segurança no Trânsito, projeto estadual que atua para reduzir as fatalidades em ruas e rodovias, o número de ocorrências aumenta consideravelmente no verão. Não somente nas rodovias, mas também dentro das cidades, principalmente as que recebem um grande fluxo de pessoas. E a falha humana é o principal fator de risco e está presente em 94% dos acidentes.

Particularmente, o mês de dezembro é o que mais concentra acidentes graves. Segundo a pasta, no ano passado, foram registradas 523 fatalidades, número 11% maior do que a média mensal (cerca de 470 óbitos). O aumento se dá principalmente nas rodovias, que supera a casa dos 15% devido ao aumento do fluxo, mas chama a atenção o fato de que as vias urbanas concentram mais da metade das fatalidades.

Os principais comportamentos de risco apontados pelo movimento são o excesso de velocidade, beber e dirigir, dispensar o cinto de segurança e distrações causadas pelo uso do celular.

Campanha pretende atingir principalmente os jovens

A campanha tem como principal alvo os jovens com idade entre 18 e 34 anos, que representam uma em cada três vítimas no trânsito. As ações de mídia trazem de volta a simpática foca que tem estrelado as últimas campanhas do governo para promover a segurança no trânsito. A ideia de colocar a foca vem dos memes da internet, uma linguagem que possui maior aderência junto ao público jovem.

Os perigos do uso indevido do celular é o grande destaque da campanha. Segundo dados do CESVI Brasil, acessar redes sociais no celular a 100 km/h equivale a dirigir por mais de 100 metros de olhos vendados, mais do que suficiente para provocar um acidente grave.

Além do celular, a campanha também abordará a importância do uso do cinto de segurança no banco traseiro e do respeito aos limites de velocidade, além dos riscos de beber e dirigir.