Covid-19: São Paulo tem quatro hospitais da rede pública com 100% de ocupação de leitos de UTI

0
38

Quatro hospitais da cidade de São Paulo registravam 100% de ocupação dos leitos de UTI para tratamento da Covid-19 nesta terça-feira (19).

O Hospital da Cruz Vermelha, Santa Casa de Santo Amaro e outros dois municipais não têm mais vagas. Outros quatro hospitais que atendem pacientes da rede pública também estão em estado de alerta, com índice acima de 70%.

A sobrecarga causada pelos novos casos também afeta a rede particular.

Cerca de 64% dos hospitais particulares do estado de São Paulo registra mais de 80% de ocupação dos leitos de UTI para Covid-19 ocupados.

Ainda de acordo com os dados, no dia 13 de janeiro, apenas 14% dos hospitais privados tinham até 40% dos leitos ocupados.

Os hospitais que não têm mais vagas são:

– Hospital da Cruz Vermelha (20 leitos de UTI, todos ocupados)

– Santa Casa de Santo Amaro (20 leitos de UTI, todos ocupados)

– Hospital Carmem Prudente: (34 leitos de UTI, todos ocupados)

– Hospital São Luiz Gonzaga: (10 leitos de UTI, todos ocupados)

 

Estado de alerta

 – Hospital Bela Vista: 88% da ocupação de UTI

– Hospital Tide Setúbal: 73%

– Hospital Santa Marcelina: 89%

O estado de São Paulo registrou o maior número de novos casos confirmados de Covid-19 em uma semana desde o início da pandemia.

Entre domingo (10) e o último sábado (16), foram 79.106 confirmações no total, o que dá a média de 11.301 casos por dia.