Cursinho popular na Brasilândia lança vaquinha virtual

0
125

Ativistas e educadores sociais da Brasilândia vão lançar uma campanha de financiamento coletivo para ajudar o Cursinho Popular Preparando o Futuro. A vaquinha começa no dia 1° de agosto e vai até o dia 30 de setembro. O cursinho tem o objetivo ajudar adolescentes e jovens da Brasilândia a ingressar nas Etecs (Escola Técnica Estadual de São Paulo).

A campanha, chamada de “O sonho saiu da quarentena– Porque o Futuro não Pode Esperar ” pretende arrecadar R$ 146 mil. O valor será destinado para instalar uma Rede de INTRANET e WiFi comunitário com servidor próprio (que não consome dados móveis), cobrindo um território com cerca de 250 mil habitantes. O que permitirá que estudantes possam acompanhar as aulas pela plataforma do cursinho.

Além da rede de WiFi, com a quantia os organizadores do cursinho pretendem investir na compra de equipamentos eletrônicos como notebook e tablets para o uso dos estudantes.

“Acreditamos na transformação pela educação, assim compartilhamos informação e conhecimento. Por conta do voluntariado, e até esse ano não tínhamos um custo de funcionamento alto, mas, agora com toda a reestruturação precisamos investir um recurso que para nós é muito alto, mas continuaremos convertendo isso em benefícios para os alunos e pensamos que em um ano ou dois podemos expandir para outras periferias”, conta Tiago Almeira, coordenador do Cursinho Preparando o Futuro.

As melhorias vão depender do valor arrecadado na vaquinha, confira:

1) Até R$ 22.777,00 – Adaptar o curso | Treinar professores, mentores e monitores | Preparar 60 adolescentes da periferia

  • Adaptar o curso para o formato semipresencial;
  • Treinar professores, monitores e mentores;
  • Preparar 60 alunos de maneira semipresencial num curso de 6 meses;
  • Entregar gratuitamente 90 apostilas;
  • Comprar equipamentos necessários para as aulas semipresenciais (como tablets e adaptadores wifi);
  • Remunerar parte da equipe que acompanhará os alunos;
  • Colocar e manter site com conteúdos no ar;
  • Fornecer ambiente físico para as aulas de maneira segura seguindo protocolos de higiene e limpeza.

2) Até R$ 40.988,00 – Construir Rede Comunitária de Intranet e Wifi e disponibilizar o acesso a conteúdos educativos a pelo menos 100 adolescentes –

  • Comprar equipamentos necessários para construção de rede comunitária de intranet e wifi;
  • Instalar os equipamentos nos locais adequados para acesso de até 100 alunos virtuais;
  • Comprar computador servidor para armazenar conteúdos educativos.

3) R$ 72.796,00 – Preparar mais 36 adolescentes da periferia | Melhorar material de estudo físico e virtual dos alunos | Conquistar autonomia para impressão de materiais | Disponibilizar videoaulas para alunos de outras periferias | Filmar visita virtual

  • Ampliar a capacidade de aulas semipresenciais para 96 alunos em curso de 6 meses em ambiente físico para as aulas de maneira segura seguindo protocolos de higiene e limpeza;
  • Comprar impressora laser colorida para baratear produção de apostilas e listas de exercícios;
  • Organizar e diagramar listas de exercícios para os alunos;
  • Custear a impressão das listas de exercícios para os alunos;
  • Gravar 36 vídeoaulas para serem disponibilizadas virtualmente e atingir alunos de outras periferias via internet;
  • Aperfeiçoar o conteúdo presente na modalidade semipresencial;
  • Realizar filmagem de visita virtual para motivar os alunos.

4) R$ 118.468,00 – Preparar mais 96 adolescentes da periferia para entrarem nas escolas técnicas

  • Ampliar a capacidade de aulas semipresenciais para 192 alunos em curso de 6 meses em ambiente físico para as aulas de maneira segura seguindo protocolos de higiene e limpeza.

5) R$ 145.458,00 – Disponibilizar videoaulas para alunos de outras periferias | Melhorar plataforma on-line

  • Gravar mais 108 vídeoaulas para serem disponibilizadas virtualmente e atingir alunos de outras periferias via internet;
  • Aperfeiçoar a forma de acesso aos conteúdos virtuais melhorando a plataforma.

Cursinho Popular Preparando o Futuro

Criado em 2008 por um grupo de amigos, o Cursinho Popular Preparando o Futuro nasceu com o para complementar o conteúdo escolar do Ensino Fundamental e oferecer uma visão sociopolítica crítica aos estudantes de escolas públicas na Brasilândia.

Antes da paralisação da pandemia, as aulas ocorriam todo os sábados na Associação Sociocultural Madre Teresa de Jesus, no Jardim Elisa Maria, periferia da Brasilândia.

Campanha: O sonho saiu da quarentena– Porque o Futuro não Pode Esperar

  • Quando: de 1°/08 até 30/09
  • Meta: R$ 146 mil
  • Link para doação: clique aqui (disponível a partir do dia 1° de agosto)

Foto: Reprodução