Cinema

Cineasta da Freguesia estreia filme Diário de um Exorcista, na Netflix

“Eu meio que descobri que aqui não é o final. Existe algo muito maior que a gente imagina. Eu descobri que o diabo é aquele que a gente tá a costumado a ouvir desde pequenininho, Lúcifer. Existe um ajo decaído”.

Gelou a espinha? Então, prepare-se: a Netflix estreia mundialmente, nesta quinta (10), o filme Diário de um Exorcista – Zero. Poderia ser mais um filme de terror. Poderia ser mais uma estreia qualquer no vasto cardápio do maior site de streaming do mundo, mas…

É um filme de terror, brasileiro, e com a marca da Zona Norte. No mês que celebra 437 anos, a Freguesia do Ó tem mais um motivo para comemorar: Renato Siqueira, um dos realizadores do filme – e autor da fala do primeiro parágrafo desse texto -, é filho da Freguesia – e o filme também tem locações no histórico bairro.

Junto com Luciano Milici, a dupla, primeiramente, escreveu o livro Diário de um Exorcista, baseado em fatos reais. A importância da obra é grande, já que, no Brasil, o assunto raramente é abordado. Depois, veio a criação do filme independente, com efeitos especiais e, feito raro, um filme de terror brasileiro – a fonte, claro, é o imortal Zé do Caixão. O cinema nacional, afeito a comédias e realidade social; e a literatura, marcada por bruxas e anjos; tem agora um novo panorama: o terror “brasuca”, com público carente deste tipo de obra.

O filme e o livro mostram a história do padre Lucas Vidal. Exorcista reconhecido na América Latina, tornou-se um extirpador de demônios depois de uma tragédia familiar. O cenário? As décadas de 1950 e 1960. O acidente com os pais o fez exorcista, mas sem estar preparado para cruzar com o inimigo. Seu caminho é cruzado pelo Diabo por meio de uma possessão, chamando Vidal ao exorcismo. A situação fica descontrolada, e Lucas tem que identificar quem está ou não sob a influência maligna.

Multifunção, Renato Siqueira é cineasta, roteirista, fotógrafo, criador de efeitos especiais… E ator. É ele quem dá vida ao padre Lucas Vidal. O longa é uma produção da Deus Ex-Machina Cinema Group, JR Studios Produções e Peroncini Filmes Produções Audiovisuais. O filme, que estreia agora na Netflix, já está disponível em outras plataformas (Net Now, YouTube, iTunes, Microsoft Store, Xbox Google Play Store) e é distribuído pela Europa Filmes.

Quer saber mais sobre o filme? Veja os trailers abaixo, acesse o Facebook oficial aqui, acesse o site oficial, e veja mais entrevistas dos criadores nos links: TV UOL, Livraria da Folha, Assombrado, JustTV, Diário do Grande ABC.

* via Portal do Ó



Topo