Acontece

Dicas da Quinzena – Cinco dicas para lidar com as férias escolares

As férias escolares de julho pode se tornar uma dor de cabeça para os pais. Com os filhos em casa é preciso organizar atividades para não deixá-los sem uma ocupação. Entretanto esse período pode significar uma maior aproximação com as crianças, se bem planejado, é possível que se torne um momento de diversão para toda a família.

Confira cinco dicas do que fazer com o tempo livre de seu filho:

Curso de férias: Algumas escolas oferecem cursos de férias, o que são uma ótima opção para os pais ficarem tranquilos. Isso propicia a convivência com outras crianças – desenvolvendo habilidades sociais – por meio de brincadeiras educativas e recreativas. Trocar o ambiente da sala de aula pelos parques e quadras traz estímulos novos, o que é positivo para todo tipo de aprendizado.

Passeios: Cinema, peças de teatro e exposições de arte são alguns dos programas que os pais podem levar os filhos para sair da rotina. A programação para crianças é intensificada no mês de julho, já que há mais oferta de filmes e espetáculos voltados para o público infantil. Se durante a semana for inviável fazer um desses passeios, o ideal é reservar ou comprar o ingresso com antecedência para os finais de semana, que costumam ser mais concorridos.

Família e amigos: As férias também podem servir para aproximar as crianças não só dos pais, mas da família como um todo. Levar o filho para passar alguns dias na casa do primo(a), tio(a) ou padrinho/madrinha que mora em outra cidade, por exemplo, é uma ótima maneira de estreitar laços com parentes.

Jogos de tabuleiro: Se seu filho já tem idade para entender regras, jogos de tabuleiro são ótimas pedidas. Jogar com a família intensifica o convívio, favorece o pensamento estratégico e ajuda a conviver com a derrota e a frustração.

Contato com os colegas: Receber os amigos é uma forma agradável de manter o contato e a socialização. Permanecer com as crianças unidas favorece vínculos que podem perdurar durante a vida toda e resultam em boas memórias. Em grupos, é mais fácil mantê-los ocupados e o convívio é benéfico para todos.

 



Topo