Games

Diferente, atraente e de graça

VIGOR não é mais um Battle Royalle qualquer

Não há gamer que nunca tenha ouvido falar ou não sabe do que se trata o gênero Battle Royale. Afinal, depois de Fortnite e cia, nada mais claro entender que os jogos de batalha real amplificaram as iniciativas de crianças e adolescentes a mirarem uma nova forma de enfrentar desafios na guerra do “resta um”.

Dos mesmos produtores de DayZ e exclusivo para Xbox One, VIGOR é um Battle Royale diferente. Isso porque há uma história por trás da gameplay, com um cenário pós uma guerra nuclear, que acabou devastando grande parte do mundo. Então a Europa Central acabou destruída e somente a Noruega sobreviveu a toda a destruição. E neste cenário você é um dos outlanders (forasteiros) e o seu objetivo no jogo é melhorar seu abrigo (Shelter) e sobreviver a ondas de radiação que podem te matar.

Com uma imersão nunca vista em jogos do gênero, aliada à gráficos surpreendentes, VIGOR é detalhista e bom demais de se jogar, incluindo o encontro de vários itens de sobrevivência e ferramentas de uso inevitável.

O mais legal, contudo, é entender que o jogo não é aquilo que esperamos do gênero repetitivo. E apesar de alguns bugs de provável solução rápida, VIGOR tem totais condições de bater frente a frente jogos como Fortnite e PUBG.


Rafael Poliszuk é jornalista e trabalhou por mais de uma década com automobilismo real. Ou seja, nas pistas!

Tudo porque quando criança era fascinado por jogos do gênero. Com o reencontro da paixão digital, começou o projeto do qual surgiu a Poliszuk Relações Públicas, com experiência no site EuroGamer Brasil, Jornal SP Norte e outras mídias, onde desenvolve promoções e eventos. Agora, com a Zuk Experience, o jornalista prepara uma nova experiência. Aperte o play!  E-mail: rafael@poliszuk.com.br – Site: poliszuk.com.br



Topo