Games

ENIGMÁTICO, MISTERIOSO E BOM DEMAIS

Please, Don´t Touch Anything é um dos games mais criativos e diferentes que já jogamos

Adoramos jogos inovadores, principalmente quando bem feitos e entregues com aquela “pulga atrás da orelha” manifestando curiosidade e ideias malucas de uma produtora, seja ela grande ou pequena.

Mas a ForwardXP e a Four Quarters foram mais longe e lançaram no final do ano passado Please, Don’t Touch Anything, traduzindo, Por favor, não toque em nada.

O material se passa em uma sala escura onde um “chefe” meio bravo pede encarecidamente para não tocarmos em nada ali dentro. Então, logo de cara, a gente tem a função de fuçar em tudo. Dai que a coisa toda fica bem legal, unindo pequenos gestos como recolher o lixo do chão até descobrir inúmeras funcionalidades em um painel em nossa frente que, aliás, nele muitas coisas estranhas podem acontecer.

Cheio de puzzles e estratégias, Please, Don’t Touch Anything vale cada centavo e está disponível para Nintendo Switch e mais recentemente para Xbox One, além de sua versão para PC.


Rafael Poliszuk é jornalista e trabalhou por mais de uma década com automobilismo real. Ou seja, nas pistas!

Tudo porque quando criança era fascinado por jogos do gênero. Com o reencontro da paixão digital, começou o projeto do qual surgiu a Poliszuk Relações Públicas, com experiência no site EuroGamer Brasil, Jornal SP Norte e outras mídias, onde desenvolve promoções e eventos. Agora, com a Zuk Experience, o jornalista prepara uma nova experiência. Aperte o play!  E-mail: rafael@poliszuk.com.br – Site: poliszuk.com.br



Topo