Games

Estações realistas com corridas virtuais atraem público no GP Brasil de F1

Uma das datas mais tradicionais no calendário de fim de ano esportivo é o Grande Prêmio do Brasil de Fórmula 1. As emoções das pistas, ainda que não tenham nenhum brasileiro disputando o campeonato, ainda fazem parte da vida de muitos fãs amantes da velocidade. Neste ano, o GP Brasil será realizado em 11 de novembro, no tradicional autódromo de Interlagos.

Mas, além do asfalto, há outra pista que tem atraído cada vez mais entusiastas. São as estações realistas com simuladores, jogos virtuais e transmissões dos principais games e lançamentos, como o recente Forza Horizon 4. E quem leva essas experiências é a Poliszuk Entretenimento e Negócios, do colunista de Games do SP Norte, Rafael Poliszuk.

Já são quatro anos consecutivos levando as emoções e desafios virtuais para os convidados que passarão na área de games do Premium Paddock Club. De acordo com Poliszuk, cerca de 800 a mil amantes de corridas virtuais passaram no espaço em cada dia do evento em 2017, já que a sexta-feira e o sábado são de treinos e definição da classificação do grid. Para este ano, a expectativa é que o número de visitantes seja superado.

Na área de games, equipamentos de última geração, além da plataforma Xbox One X, simuladores das empresas nacionais EBTrom Games e Pro Racing Simuladores, e a estreia da experiência XTremeVR, com atividades em realidade virtual, disponível no setor Interlagos Club.

Além de todas essas experiências, o influenciador digital e youtuber Eduardo Benvenutti (da BRKsEDU), com mais de 7 milhões de inscritos, estará nas áreas especiais do GP Brasil. Radicado no Canadá, Benvenutti participa do GP nacional pela primeira vez. Apaixonado por games e Fórmula 1, o youtuber crava: “É um privilégio estar no GP Brasil, vendo os carros mais rápidos do mundo em meu circuito favorito”.

Ainda há ingressos para acompanhar as emoções do GP Brasil. Os bilhetes estão à venda no site oficial da corrida.



Topo