Fatalidades no trânsito recuam 20% no mês de maio em São Paulo

0
133
foto: Bruno Viterbo

Nos últimos meses, o Infosiga SP, sistema de dados do Governo de São Paulo gerenciado pelo programa Respeito à Vida, vem registrando quedas no número de fatalidades no trânsito de São Paulo. O estudo mais recente revela que, em maio, foram registrados 387 óbitos contra 487 no ano passado, uma queda de 20,5%.

Segundo especialistas, essa redução ocorre, especialmente, devido as medidas de isolamento social adotadas a fim de evitar a disseminação do coronavírus (covid-19).

Apesar de mostrar uma queda geral no número de mortes no trânsito, a exceção foram os motociclistas, com 179 mortes no mês passado contra 167 em 2019, aumento de 7,2%.

Imagem: Divulgação / Infosiga

Apesar deste ano registrar o menor número de vidas perdidas no trânsito, no começo a tendência era diferente, isso porque até março, inicio da pandemia no Brasil, o Estado havia contabilizado 1.247 mortes, maior que nos anos de 2018 e 2019 (1.213 e 1.206, respectivamente).

As principais vítimas do Estado de São Paulo são: Homens, motociclistas, com idade entre 18 e 24 anos que são vítimas de colisão.

Capital paulista

Já a cidade de São Paulo apresentou uma queda de 15% no mesmo período. No mês de maio deste ano foram contabilizadas 70 mortes contra 82 em 2019. Apesar disso, o número ainda é cerca de 16% maior do que o mesmo mês de 2018, que na ocasião contabilizou apenas 59 fatalidades.

Vale lembrar que, mesmo com o inicio da quarentena, o mês de março apresentava 91 mortes no trânsito, o maior número de vidas perdidas nos últimos 5 anos para o mês.

Desde o começo do ano, a capital paulista soma 334 mortes no trânsito, o número é menor do que em 2019, quando havia sido contabilizadas 353 óbitos, mas é superior ao ano de 2018, quando foram registradas 332 óbitos no mesmo período.

Na cidade de São Paulo, a maior vítima no trânsito são: homens, pedestres, com idade entre 18 e 24 anos que são vítimas de atropelamentos.

Acidentes sem vítimas fatais

Acidentes de trânsito, que incluem ocorrências sem vítimas fatais, registraram queda de 28,4% (11,9 mil acidentes em maio deste ano contra 16,6 mil em 2019).