Brasil

Governo Federal anuncia linha de crédito para socorrer empresas e seus funcionários

Nesta sexta-feira (27) o Governo Federal aprovou uma linha de crédito emergencial para ajudar pequenas e médias empresas a pagar a folha salarial de seus funcionários. Por conta da pandemia do novo coronavírus (Covid-19), parte dos negócios foram completamente paralisados.

O anúncio da nova medida foi feito no Palácio do Planalto. O presidente Bolsonaro (Sem Partido) destacou que é preciso garantir empregos para a população. A medida vai financiar dois meses da folha de pagamento das empresas. O valor do investimento poderá chegar a R$ 40 bilhões (R$ 20 bilhões por mês).

A medida deve beneficiar 1,4 milhão de empresas, atingindo 12,2 milhões de trabalhadores. O crédito será destinado a empresas com faturamento anual entre R$ 360 mil a R$ 10 milhões.

Para receber a linha de crédito, a empresa não poderá demitir o funcionário nesse período de dois meses. De acordo com o presidente do Banco Central (BC), Roberto Campos Neto, o financiamento prevê o pagamento de até dois salários mínimo (R$2,090). Caso o salário do funcionário seja maior do que o limite, a empresa será responsável por completar o valor.

Vale destacar que a taxa de juros será de 3,75% ao ano (atual taxa Selic). Do total a ser liberado por mês, 85% (R$ 17 bilhões) serão recursos do Tesouro Nacional e 15% (R$ 3 bilhões) dos bancos privados. Serão seis meses de carência e 36 meses para o pagamento.

Foto: Marcelo Corrêa / PR




Warning: A non-numeric value encountered in /home/jornalspnorte/www/wp-content/themes/jornalspnorte/footer.php on line 3
Topo