Vida e Bem Estar

Medo de ir ao psicólogo é coisa do passado

Psicólogo online é opção para os tímidos ou para quem não tem tempo de ir ao consultório

Quando nos deparamos frente a alguma dificuldade, é natural sentirmos necessidade de recorrer a um psicólogo ou terapeuta, alguém que vai nos ouvir com atenção e juntos, pensarmos em alguma saída para aliviarmos a dor e trilharmos um novo caminho.

Mas nem sempre é fácil: falta de tempo, vergonha de se expor, medo de ser julgado, entre outras inúmeras razões distanciam o paciente do consultório. Para solucionar esse problema, a tecnologia é uma grande aliada; aplicativos de celular foram criados para “consultas online”, onde, na comodidade de casa, e sem contato físico com o psicólogo, as pessoas podem falar de seus problemas e suas angústias, de forma simples, segura e sigilosa.

O “FalaFreud” é um desses aplicativos que conecta pacientes a terapeutas e oferece sessões à distância pela internet, de forma simples e rápida. Trata-se da plataforma criada em 2016, no Vale do Silício, por Yonathan Yuri Faber e hoje é utilizada em mais de 150 países com um custo acessível.

O funcionamento é simples: o usuário se cadastra na plataforma, responde algumas perguntas e, em cinco minutos, recebe uma lista de terapeutas disponíveis para atendê-lo. A primeira consulta custa R$ 29,99. Após essa primeira sessão, é possível agendar outras, onde o valor não ultrapassa R$ 100.

Outra plataforma que está fazendo sucesso é a “OrienteMe”, que conecta pacientes e psicólogos por mensagens e videochamadas.  Para conversar sobre ansiedade, autoestima, relacionamentos amorosos, autoconhecimento, estresse, entre outros, o paciente deve preencher um breve formulário e, em seguida, o profissional com perfil mais compatível é conectado a ele. O paciente pode enviar mensagens de texto, áudio ou videochamadas ao psicólogo sempre que quiser, e o profissional responderá todos os dias, entre segunda e sexta-feira.

A “OrienteMe” é ganhadora do prêmio Creators Award 2018 pela WeWork, está incubada pela eretz.bio, do Hospital Albert Einstein e está entre as 100 startups brasileiras mais inovadoras na área da Saúde.

Além de toda a comodidade que os aplicativos oferecem, os usuários têm a garantia de serem atendidos por profissionais qualificados, que passam por um rigoroso processo de seleção e ainda são avaliados frequentemente por quem passa por atendimento com eles.

Tanto a “OrienteMe” quanto o “FalaFreud” estão disponíveis para IOS e Android e toda a comunicação entre o paciente e o profissional é protegida e criptografada, além da tecnologia ser regulamentada pelo Conselho Federal de Psicologia (CFP nº 11/2018).

Foto: Fotolia



Topo