Mundo registra maior número diário de mortes por Covid-19

0
8

O mundo registrou nesta terça-feira (17) o número de 11.115 novos óbitos causados pelo coronavírus, um recorde diário. Essa nova marca supera o recorde registrado 4 de novembro, que era de 11 mil mortes.

Esse recorde ocorre durante uma segunda onda da pandemia que atinge a Europa e ao pico no número de casos registrados nos Estados Unidos.

Segundo a Universidade Johns Hopkins, dos EUA, já são mais de 1,3 milhão de mortes causadas pela COVID-19, além de 53,7 milhões de casos registrados da doença. Os países com o maior número de óbitos são os EUA (248 mil), seguidos por Brasil (166 mil), Índia (130 mil), México (99 mil) e Reino Unido (52 mil).

O pico de mortes durante a primeira onda de contágio do novo coronavírus foi registrado em 17 de abril, quando foram totalizados 8.365. óbitos.

No último domingo, o mundo teve o recorde de novos casos da doença registrados em um único dia em todo o mundo: 660.905, segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS).

No Brasil, os números da pandemia do novo coronavírus subiram depois  de quatro meses de estabilidade. Nas últimas 24 horas, foram registradas 676 mortes no país, número que causou um aumento de 45% na média móvel de óbitos em relação aos últimos 14 dias