Cultura e Lazer

Novembro de oficinas no SESC Santana

O fim de ano está chegando; passou rápido, não é? Muitos já começam a fazer planos para o próximo ano, com as famosas listas de metas e objetivos. Mas que tal já entrar em 2019 com muito mais conhecimento e, quem sabe, desenvolver uma nova habilidade até então desconhecida.

Quem pode ajudar nessa descoberta é o SESC Santana. O espaço terá, neste mês de novembro, diversas oficinas em várias áreas do conhecimento. É só escolher e colocar a mão na massa! Confira as atividades – mas, fique ligado: as vagas são limitadas, e as inscrições devem ser feitas na central de atendimento do SESC, localizado na Av. Luiz Dumont Villares, 579.

Padronagens indígenas

A arte presente em miçangas, pinturas corporais e tecidos do povo indígena Yawanawá chama-se Kene. É um padrão gráfico exclusivamente feminino, que carrega símbolos e aspectos da história e cosmologia desse povo. A oficina Kene Awavena: padronagens femininas Yawanawá vai ensinar, além da criação dos grafismos, a narrativa biográfica envolvida nos processos, com desenhos que evocam animais e espíritos femininos. Uma forma de trazer o protagonismo das mulheres Yawanawá. A oficina será ministrada pela jovem Hukena Yawanawá e a antropóloga Alice Haibara.

Quando: sábado (3/11), das 13h às 17h, no quiosque. Grátis.

Foto: Sergio Vale/Secom

Canteiro modular

A designer e educadora Fernanda Tosta; a designer de móveis Joici Ohashi, e a jornalista especializada em agricultura urbana Alessandra Nahra ministram a oficina de Canteiro Modular. Na atividade, os conceitos de marcenaria serão aplicados na construção do móvel. Além disso, soluções de plantio e o emprego de ferramentas serão discutidos no decorrer do processo criativo. A última aula vai destacar conceitos de agricultura urbana e o que é necessário para que se tenha um canteiro.

Quando: de 1/11 a 13/12, às quintas-feiras, das 19h às 21h, no ETA (Espaço de Tecnologia e Artes)
Recomendação: indicado para pessoas acima de 16 anos
Valor dos ingressos: R$ 6 (credencial plena), R$ 10 (meia), R$ 20 (inteira)

Reparos domésticos para mulheres

Agora é que são elas! A oficina Pequenos Reparos – Introdução à Manutenção Residencial para Mulheres vai dar noções básicas de manutenção residencial, e o melhor: com soluções pensadas por mulheres e para mulheres. Quem comanda a atividade é a empresa M’Ana – Mulher Conserta para Mulher (foto no topo da matéria, quando a empresa participou do programa Shark Tank). Serão quatro encontros com teoria e prática de pequenos consertos elétricos e hidráulicos, manuseio de ferramentas, conceitos de segurança e os meios de proteção na hora de fazer os reparos. A empresa já ministrou mais de 30 módulos em mais de cinco cidades diferentes, formando mais de 100 mulheres. Serão quatro módulos: Manuseio de Ferramentas (3/11), Elétrica (10/11), Hidráulica (17/11) e Pintura (24/11). São 15 vagas disponíveis, e as inscrições, gratuitas.

Quando: sábados, das 17h30 às 20h30, no ETA (Espaço de Tecnologia e Artes)
Recomendações: não indicado para menores de 16 anos. As participantes devem comprar os materiais a serem utilizados na oficina. Inscrições até a data da primeira aula ou o fim das vagas.

Sapataria artesanal

Design e sustentabilidade unidos na oficina de Sapataria Artesanal.

Na atividade, ministrada por Maria Eugenia O. Miluzi, atuante na indústria de calçado nas cidades de Franca e Novo Hamburgo, os participantes vão aprender a criar a sandália Piracaianas Upcycling Design, construída com resíduos têxteis.

O curso vai ensinar conceitos de design de produto, ergonomia, sustentabilidade, consumo consciente e tecnologia têxtil.

Quando: quartas-feiras, de 6/11 a 4/12, das 15h às 17h, no ETA (Espaço de Tecnologia e Artes)
Recomendações: indicado para pessoas acima de 16 anos.
Valor dos ingressos: R$ 6 (credencial plena), R$ 10 (meia), R$ 20 (inteira)

Foto em papel

Pode até parecer fora de moda, já que nossas fotos aparecem apenas em telas de computadores e celulares. Porém, a arte de dar vida ao papel é, ainda, mágica. Sobretudo quando são utilizados materiais vegetais. Essa é a tônica do curso Papel Fotográfico Artesanal. Comandado pela restauradora Helen Ikeda, a atividade vai produzir papéis artesanais com fibras vegetais, destinados à criação de gravuras, aquarelas e fotografia artesanal. Os alunos vão aprender controles de qualidade, como gramatura constante, pH neutro, permanência e durabilidade.

Quando: quartas-feiras, de 7/11 a 12/12, das 19h às 21h, no ETA (Espaço de Tecnologia e Artes)
Recomendações: indicado para pessoas acima de 16 anos.
Valor dos ingressos: R$ 6 (credencial plena), R$ 10 (meia), R$ 20 (inteira)

Bordado livre

Não sei desenhar, mas quero criar: Flores e Folhas bordadas é o nome do curso realizado em seis encontros. A atividade tem como objetivo mostrar como os pontos de bordado livre são versáteis na criação de desenhos para quem não sabe desenhar. Com exercícios práticos, os alunos vão compor e bordar suas próprias criações. O curso será ministrado pela economista, artesã e artista têxtil Andréa Orue. São 20 vagas.

Quando: quartas-feiras, de 7/11 a 12/12, das 15h às 17h, no ETA (Espaço de Tecnologia e Artes)
Recomendações: indicado para pessoas acima de 16 anos.
Valor dos ingressos: R$ 6 (credencial plena), R$ 10 (meia), R$ 20 (inteira)

foto (topo): Facebook/M’Ana – Mulher Conserta para Mulher 



Topo