Zona Norte

Ônibus fretados causam transtorno para moradores da Vila Dionísia

Moradores da Vila Dionísia denunciaram que a Rua Júlio Dantas está sendo usada como estacionamento de ônibus fretados. O fato contraria a legislação municipal, pois determina que esses veículos devem ficar parados em locais específicos, como em estacionamentos particulares.

Por conta disso, moradores são obrigados a caminhar pela rua, dividindo espaço com os veículos que trafegam na região, que por sua vez transitam na contramão devido parte da via ser ocupada pelos ônibus fretados estacionados. Além disso, foi observado que indivíduos ficam escondidos atrás dos veículos, o que pode favorecer a prática de crimes e do consumo de drogas.

Por conta do fim das férias escolares, o fato possui mais um agravante, pois os ônibus fretados ficam parados ao lado da Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) Osvaldo Quirino Simões, o que pode causar grande risco aos alunos e familiares de serem atropelados, pois são obrigados a caminhar pela rua em detrimento aos veículos estacionados.

O que diz a Prefeitura?

Em nota, o Departamento de Transportes Públicos (DTP) respondeu que “já acionou o setor de fiscalização para verificar a regularidade do serviço de fretamento ofertado na Rua Júlio Dantas e para apurar de que forma ocorre o estacionamento dos coletivos em via pública”.

O órgão confirma que, caso seja constatada irregularidade, a multa por estacionamento irregular é de R$ 396,07.

Além disso, o DTP confirmou que o local também recebeu denuncia em abril de 2018. Na época, a equipe compareceu ao local e fiscalizou sete ônibus, sendo quatro deles autuados por estacionamento irregular.

Rua Julio Dantas – Foto: GoogleView



Topo