Polícia vai reforçar operações contra possíveis aglomerações durante carnaval

0
47

A polícia intensificará a partir desta sexta-feira (12) operações em São Paulo contra eventuais aglomerações que ocorram durante os dias em que aconteceriam o carnaval, que foi oficialmente cancelado.

As forças de segurança estão preocupadas com a possibilidade de que ocorram festejos, contrariando as restrições impostas pelas autoridades contra a Covid-19.

O descumprimento dessas medidas, assim como o não uso obrigatório de máscaras, podem ser interpretados como uma infração às medidas sanitárias preventivas

O reforço na segurança terá participação da Polícia Militar (PM), Polícia Civil e da Guarda Civil Metropolitana (GCM), segundo informações do Ministério Público (MP). Também estarão presentes as vigilâncias sanitárias do governo e da prefeitura.

Foliões que estejam organizando festas poderão ser detidos pelos agentes de segurança e multados pela Justiça se forem pegos em desfiles de blocos de rua clandestinos e festas sem autorização. Que for flagrado organizando festa, irá responder por crime contra a saúde pública.

Uma das medidas adotadas pelo governo estadual e pela prefeitura para tentar evitar aglomerações nesse período foi o de suspender o ponto facultativo para os trabalhadores.

A polícia também está  monitorando redes sociais para vasculhar na internet possíveis eventos que sejam marcados em desrespeito às regras de isolamento e distanciamento social.

Além disso, regiões como a Vila Madalena e Pinheiros e vias próximas ao bairro do Bixiga e Rua da Consolação, serão vigiadas por policiais.

O novo coronavírus  já matou mais de 17 mil pessoas na cidade de São Paulo.