Prefeitura inaugura dois novos ecopontos e 36 unidades começam a receber gesso para reciclagem

0

Com o objetivo de expandir os equipamentos públicos para o descarte de materiais inservíveis de maneira correta e voluntária, o prefeito Ricardo Nunes inaugurou nesta sexta-feira (4) dois novos Ecopontos no distrito São Miguel Paulista na Zona Leste, ampliando a rede que passou a contar com 120 pontos espalhados por toda a cidade. A partir de hoje, 36 dessas unidades passaram a receber e reciclar também o gesso, em uma importante iniciativa da Prefeitura de São Paulo, feita para ampliar a sustentabilidade no município.

“Desses 120 Ecopontos, nós inauguramos 25 de 2017 para cá, na nossa gestão, só esse ano cinco Ecopontos. Não estamos só ampliando, mas também melhorando a capacidade dos materiais que podem ser entregues. Até então não se recebia gesso. Nós estamos passando a receber gesso em 36 Ecopontos dos nossos 120 da cidade, mais um compromisso da gestão Bruno Covas com a questão do meio ambiente”, afirmou o prefeito Ricardo Nunes.

Os Ecopontos são equipamentos públicos que recebem gratuitamente recicláveis, entulho, poda de árvore e móveis velhos. As novas unidades atendem aos moradores do Jardim Romano (Endereço: Rua Duarte Martins Mourão, 307) e do Jardim Helena (Rua Cosme dos Santos com a Rua Macapera – Jd. São Martinho), contribuindo tanto para o combate aos descartes irregulares, principalmente em pontos viciados, como para a ampliação da reciclagem de materiais.

O Ecoponto Jardim Helena foi implementado na área de um parque que pertence ao Governo do Estado. “É assim que a gente constrói a gestão pública. São entes que devem ter um único objetivo: atender ao cidadão e trazer melhor qualidade de vida. Esse Ecoponto além de estar integrado ao parque vem dentro de uma política de gestão ambiental correta, de educação ambiental e do zelo pela qualidade de vida”, disse o secretário de estado de Infraestrutura e Meio Ambiente, Marcos Penido.

O secretário das Subprefeituras, Alexandre Modonezi, exaltou a parceria entre prefeitura e governo. “O prefeito Bruno Covas falou uma frase ano passado que ele não queria deixar marca nenhuma, pois quem tem marca é cerveja e político não escolhe área para gerir porque política pública tem que ter continuidade. Aqui a gente tem exatamente isso, o prefeito Ricardo Nunes com o secretário Marcos Penido entregando para a comunidade um Ecoponto. Isso é a política pública que a cidade precisa”, enfatizou.

Recebimento de gesso

Esta importante iniciativa da Autoridade Municipal de Limpeza Urbana (AMLURB) será implantada inicialmente em 36 unidades espalhadas por diversas regiões da cidade e será expandida gradativamente para os demais Ecopontos.

“O recebimento de gesso nos Ecopontos é um grande avanço para gestão de resíduos sólidos na cidade de São Paulo. É a soma de esforços da administração pública em parceria com o setor privado para combater o descarte irregular desse material nas ruas e contribuir com a preservação do meio ambiente”, diz Roberto Perosa, presidente da AMLURB.

Para a implantação do projeto de gesso nos Ecopontos, a AMLURB realizou um projeto piloto por oito meses em algumas unidades para testar a viabilidade técnica e adesão da população. Durante esse período, foram recebidas e recicladas cerca de 8 mil toneladas de gesso.

A reciclagem do gesso é uma parceria da autarquia com a empresa Multiplus, primeira empresa especializada na reciclagem do material no Estado de São Paulo, que fará a coleta, transporte e tratamento do gesso.

“A reciclagem do gesso é uma alternativa 100% eficiente e sustentável para o meio ambiente. Pelo tratamento do material, é possível diminuir os impactos ambientais do processo de extração da pedra de gesso (gipsita) e oferecer destinação correta para diminuir o descarte irregular do material”, conta Felipe Montanini, Gerente Comercial da Multiplus.

Na prática, após a coleta do gesso nos Ecopontos, a empresa Multiplus realiza o processo industrial para reciclagem, com a separação do gesso de materiais contaminantes, onde é reaproveitado 100% dos resíduos. Com isso, o gesso reciclado retorna a cadeia produtiva como matéria-prima para os setores da agricultura e construção civil.

Endereços dos Ecopontos da Zona Norte que receberão gesso

Zona Norte

+Ecoponto Tiquatira: Av. Governador Carvalho Pinto S/N x Rua Amorim Diniz, Altura do n° 456 Jardim Mariana
+Ecoponto Vila Guilherme: Rua José Bernardo Pinto, 1480 – Vila Guilherme
+Ecoponto Santana: Av. Zaki Narchi, 629 – Carandiru
+Ecoponto Vigário de Godói: Rua Vigário de Godoi, 480 – Vila Zat
+Ecoponto Conego José Salomon: Av. Cônego José Salomon, 861 – Vila Portugal
+Ecoponto Anselmo Machado: Av.Paulo Lincoln do Valle Pontin, Alt n° 550 – Jaçanã
+Ecoponto Freguesia do Ó: R. Souza Filho, 690 – Vila Arcádia
+Ecoponto Bandeirantes: R. Itaiquara, 237 – Parque Monteiro Soares
+Ecoponto Vila Nova Cachoeirinha: Rua Felix Alves Pereira, 113 – Vila Nova Cachoeirinha