São Paulo

Prefeitura realiza campanha de educação no trânsito na Cruzeiro do Sul

Hoje, segunda-feira (02/12), a Prefeitura está realizando ações para conscientização dos motoristas em 10 importantes vias da capital paulista, na zona norte a escolhida foi a avenida Cruzeiro do Sul. A iniciativa conta com grupos de 10 pessoas empunhando bandeiras brancas e exibindo uma faixa sobre os cuidados na direção.

Essa não é a primeira vez que a Cruzeiro do Sul recebe uma ação de educação viária. No mês de setembro, a Prefeitura instalou faixas de sinalização com o número de fatalidades no trânsito registradas no ano de 2018 como objetivo de alertar aos motoristas sobre os altos índices de acidentes.

A ação está acontecendo nas vias:

  • Avenida Faria lima x Avenida Rebouças
  • Avenida Paulista x Rua Augusta
  • Avenida Celso Garcia x Largo da Concórdia
  • Avenida Santo Amaro x Avenida Roberto Marinho
  • Avenida Berrini x Shopping Morumbi
  • Avenida Cruzeiro do Sul com a rodoviária do Tietê
  • Rua Boa Vista
  • Largo Penha

O movimento faz parte do Movimento pela Vida Segura no Trânsito, campanha que tem o objetivo de mobilizar e engajar a população nos esforços para a redução do número de mortes e acidentes no trânsito.

Lançada na última sexta-feira (29/11), o movimento de conscientização sobre segurança viária, foi dividida em três fases:

A primeira delas é de mobilização. Entre os dias 26 e 28 de novembro, 849 pontos de ônibus da cidade foram identificados, cada um, como “VÍTIMA Nº XXX” – representando o total de mortos no trânsito em 2018 – para chamar a atenção para a campanha.

A segunda fase, que começou hoje (02/12), visa a proteção aos motociclistas. Em 2018, o número de óbitos de motociclistas em acidentes de trânsito, pela primeira vez, ultrapassou a quantidade de pedestres que morreram atropelados em São Paulo. Foram 366 vítimas fatais que estavam em motos, ante 349 pessoas a pé. E, pelo histórico de fragilidade do pedestre no trânsito, o respeito aos pedestres será abordado na terceira fase da campanha de Segurança Viária, no primeiro semestre de 2020.

Por fim, a terceira fase da campanha de Segurança Viária irá abordar sobre o histórico de fragilidade do pedestre no trânsito. Ela tem inicio no primeiro semestre de 2020.

Ao longo de 2018, a capital paulista registrou 828 ocorrências fatais, que vitimaram 849 pessoas.



Topo