Editorial

Editorial | Resultado que pode ajudar no domingo

Conceitos

Política: do grego politikos, significa “de, para, ou relacionado a grupos que integram a Pólis”. Ou, então, a arte ou ciência de administrar uma organização, nação e Estado. Num país democrático como Brasil, esta ciência é exercida por pessoas eleitas pelo voto popular e, consequentemente, pessoas nomeadas por essas eleitas.

Governante: pessoa responsável pela administração pública e política de um Estado, nação, país ou região autônoma.

Voto: é a manifestação oficial que declara a preferência do eleitor em um processo eleitoral. Também conhecido como sufrágio, o voto é o mecanismo que define o resultado de uma eleição, representando a opinião e escolha do eleitor. Os eleitos são aqueles que recebem a maioria dos votos a seu favor. O voto é um direito do cidadão em todos os países democráticos, pois são estes os responsáveis por escolher os representantes políticos das suas respectivas nações.

Ações

Hipocrisia (5 pontos):  é o ato de fingir ter crenças, virtudes, ideias e sentimentos que a pessoa na verdade não as possui. A palavra deriva do latim hypocrisis e do grego hupokrisis. Ambos significam a representação de um ator, atuação, fingimento (no sentido artístico). Essa palavra também passou a designar moralmente pessoas que representam, que fingem comportamentos. Um exemplo clássico de ato hipócrita é denunciar alguém por realizar alguma ação enquanto realiza ou realizava a mesma ação.

Falácia (5 pontos): deriva do verbo latino fallere, que significa enganar. Designa-se por falácia um raciocínio errado com aparência de verdadeiro. Na lógica e na retórica, uma falácia é um argumento logicamente inconsistente, sem fundamento, inválido ou falho na tentativa de provar eficazmente o que alega. Argumentos que se destinam à persuasão podem parecer convincentes para grande parte do público, apesar de conterem falácias, mas não deixam de ser falsos por causa disso. Reconhecer as falácias é por vezes difícil.

Persuasão (10 pontos): é uma estratégia de comunicação que consiste em utilizar recursos emocionais ou simbólicos para induzir alguém a aceitar uma ideia, uma atitude, ou realizar uma ação. É o emprego de argumentos, legítimos ou não, com o propósito de conseguir que outros indivíduos adotem certas linhas de conduta, teorias ou crenças.

Mentira (10 pontos): é o nome dado às afirmações ou negações falsas ditas por alguém que sabe (ou suspeita) de tal falsidade, e na maioria das vezes espera que seus ouvintes acreditem nos dizeres. Segundo Paul Ekman, uma mentira é contada quando “uma pessoa tem a intenção de enganar a outra, o fazendo deliberadamente, sem notificação prévia de seu propósito e sem ter sido explicitamente solicitada a fazê-lo pelo alvo”. Ou seja, ao contrário de situações em que é esperado que a pessoa transmita falsas informações, como em um jogo de pôquer, na mentira a pessoa pode escolher entre mentir ou falar a verdade, sabendo a diferença entre as duas opções.

Caráter

Ética (- 15 pontos): geralmente é um valor social que identifica, qualifica e guia princípios universais, crenças e ações humanas. A palavra ética vem do grego ethos e significa aquilo que pertence ao “bom costume”, “costume superior”, “portador de caráter” ou “modo de ser”.

Honestidade (- 15 pontos): é a palavra que indica a qualidade de ser verdadeiro; não mentir, não fraudar, não enganar. Quanto à etimologia, a palavra honestidade tem origem no latim honos, que remete para dignidade e honra. A honestidade pode ser uma característica de uma pessoa ou instituição, significa falar a verdade, não omitir, não dissimular. O indivíduo que é honesto repudia a malandragem e a esperteza de querer levar vantagem em tudo.

Antes de votar, faça uma tabelinha com o nome de cada candidato e calcule os pontos alcançados por cada um em suas ações e caráter, tanto para a Presidência quanto ao Governo do Estado. Compare o resultado com o de outros colegas, amigos e familiares. Veja as semelhanças e diferenças. Totais negativos não significam derrota; totais positivos não significam vitória…

Lembre-se: o resultado é aquele que decidirmos que seja, ou não. Depende só de nossa avaliação imparcial!

Fonte das definições: Wikipédia

 


Samir-Mohamed-TradDiretor do Grupo SP de Comunicação

Jornalista e Editor dos jornais SP e do portal de notícias SP Norte.

samirtrad@terra.com.br



Topo