Saúde

Vacinação contra gripe é liberada para toda população

A partir de hoje (03/06), segunda-feira, os postos de saúde poderão aplicar a vacina contra a gripe. Até o dia 31 de maio, a campanha de vacinação era destinada ao público prioritário, no qual, foram imunizados quase 80%.

A medida de ampliar o público-alvo é para evitar o desperdício de doses nas localidades que não alcançaram a meta. A vacinação é a maneira mais eficaz de evitar a doença.

Segundo o Ministério da Saúde, durante o período da campanha, foram priorizados 59,4 milhões de gestantes, puérperas, crianças entre 6 meses a menores de 6 anos, idosos, indígenas, professores, trabalhadores de saúde, pessoas com comorbidades, funcionários do sistema prisional e população privada de liberdade, além de profissionais de segurança e salvamento.

Apenas seis estados atingiram a meta com mais de 90% de cobertura vacinal, são eles Amazonas (98,5%), Amapá (98,5%), Pernambuco (93,6%), Espírito Santo (91,3%), Rondônia (90,4%) e Maranhão (90%). Já São Paulo figura entre os estados com menor registro, sendo apenas 73,1%.

Gripe no Brasil

Neste ano, até 11 de maio, foram registrados 807 casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) por influenza em todo o país, com 144 mortes. Até o momento, o subtipo predominante no país é o vírus influenza A (H1N1) pdm09, com registro de 407 casos e 86 óbitos.



Topo