Cão Cidadão

Agressividade em filhotes

* por Joilva Duarte, franqueada da Cão Cidadão

Trazer um filhote para a família pode ser maravilhoso: eles são fofinhos e muito lindos. Mas alguns comportamentos que eles apresentam podem se tornar um problema. Entre os mais preocupantes está a agressividade.

Mas, o que pode causar agressividade em um filhote? Uma série de fatores pode desencadear alguns comportamentos agressivos: genética, acasalamento entre irmãos (endogamia), separação precoce da ninhada (antes dos 50 dias, como recomendado pelos veterinários) ou medo.

Se o seu filhote já apresenta alguns comportamentos agressivos, o primeiro passo é identificar o que causa tais reações, para começar um treinamento de sociabilização com seu pet, que nada mais é do que apresentar a ele os estímulos do dia a dia de uma forma positiva.

Mas, atente-se, pois algumas atitudes normais também podem ser consideradas agressividade, como, por exemplo, mordidas enquanto brinca. Isso é perfeitamente normal, já que os cães, assim como nós, humanos, passam pela fase oral, descobrem o mundo através da boca.

Tem também a troca dos dentes que acontece entre o 4º e o 7º mês, e que causa  mordidas em excesso. Outra atitude encarada de forma errada pelos humanos é o fato de os cães rosnarem enquanto disputam um brinquedo. Isso também é natural, pois eles interagem com nós da mesma forma que fariam com outros cães e, neste caso, não é considerado agressividade e sim um comportamento natural.

Agora, se seu filhote protege o pote de ração e seus brinquedos quando alguém passa perto, ou até morde sem motivo aparente, aí sim está um problema que precisa ser resolvido. Mas, calma, apesar de ser grave, tem solução.

O adestramento enquanto filhote, além de melhorar a comunicação entre pet e tutor, pode prevenir os maus comportamentos. Peça ajuda a um profissional que te auxiliará na identificação sobre o tipo de agressividade existente e o melhor caminho a seguir para cada caso.

Por meio da educação, podemos garantir a felicidade de todos.


CAO CIDADAOCriada por Alexandre Rossi, a Cão Cidadão atua há 15 anos com adestramento e comportamento animal. Oferece adestramento em domicílio, consultas comportamentais, além de uma agenda mensal de cursos e palestras. Tudo isso com muito amor e respeito. Para saber mais sobre a Cão Cidadão, entre em contato com a Central de Atendimento, pelo telefone (11) 3571-8138, ou acesse www.caocidadao.com.br.



Topo