Teatro

Espetáculo Oniri Ubuntu volta aos palcos na Fábrica de Cultura Jaçanã

Criada pelos próprios aprendizes da Fábrica, a pela apresenta discussões sobre ancestralidade, colonização e resistência. Os ancestrais dos personagens vivem em seus corpos, mas cogitam a possibilidade de dar outro destino às próprias terras. Omama, por exemplo, é uma pele de terra vivida ao sul do Equador, habitada pelos Mundurobas.

Lá, ar, água, terra e fogo são seres que respiram e tem coração. Os ancestrais de Omama também estão vivos, falando por meio das Oniris, as pedras da memória. Com a invasão de um submarino a Omama, os Mundurobás resistem.

Sábado (11/8), às 17h. Grátis. Indicado para maiores de 12 anos.

Fábrica de Cultura Jaçanã
Rua Raimundo Eduardo da Silva, 138
Fone: 2249-8010



Topo