Vida e Bem Estar

Saiba o que pode causar a queda de cabelo

Motivo de desespero para muitos, em especial para as mulheres, a queda de cabelo atinge 25% de jovens com idade entre 20 e 25 anos. Ela pode significar duas coisas: Pode estar relacionado a um processo natural do nosso corpo; Ou pode ser um sintoma de algum distúrbio ou doença.

A maior vítima deste problema é a população masculina, de acordo com a OMS (Organização Mundial da Saúde), a calvície atinge metade dos homens com até 50 anos. No Brasil, a queda de cabelo atinge 42 milhões de pessoas, segundo dados da Sociedade Brasileira do Cabelo.

O principal causador da calvície é a herança genética, porém isso não impede que outras pessoas que não tenham um histórico familiar possa desenvolver o problema, para este público, o motivo pode ser emocional.

Confira 06 motivos que podem causar a queda de cabelo

1- Cigarro: Acredita-se que as substâncias tóxicas do cigarro enfraquecem as mechas. Os anos tragando e soltando fumaça levam a uma degeneração dos vasinhos que abastecem as extremidades do corpo.

2- Anemia: A deficiência de ferro é a desordem nutricional mais comum do mundo. E a carência desse mineral leva a uma queda na concentração de hemoglobina, proteína presente em células do sangue que é fundamental para o transporte de oxigênio.

3- Problemas intestinais: Além do ferro, outros nutrientes também mantém o cabelo firme na cabeça, como é o caso do zinco, cobre e proteínas, entre outros. A questão é que de pouco adianta adotar uma alimentação balanceada se o aparelho digestivo não consegue absorver as substâncias benéficas vindas da comida.

4- Micose: Os fungos também pode atingir o coro cabeludo. Ao atingirem o topo da cabeça eles podem gerar uma descamação que tira a estabilidade dos fios. Isso sem contar que deixam toda a área mais oleosa, favorecendo a calvície.

5- Estresse crônico: O estresse crônico não significa um momento de nervosismo isolado, mas sim algo continuo. Esse sentimento de apreensão somado com a ansiedade cria uma “bagunça hormonal”, que potencializa a queda de cabelo.

6- Sífilis: Nos últimos seis anos houve um aumento de 603% da sífilis no Estado de São Paulo. Além de gerar feridas nos órgãos sexuais, passadas algumas semanas ela pode causar  manchas na pele e queda de cabelo.



Topo