Feriado de 9 de julho é dia útil em São Paulo

0
158

O feriado de 9 de julho será considerado como dia útil do Estado de São Paulo. A decisão ocorre em razão da antecipação do feriado para o dia 25 de maio, criando o que ficou conhecido como “Feriadão”, com seis dias de folga.

Com a decisão, os comércios e serviços, como bancos e lotéricas estarão funcionando normalmente. As lojas de rua, bares, restaurantes e shopping centers abrirão com horário e atendimento reduzido em razão do Plano São Paulo, que flexibiliza a quarentena.

Todas as atividades da Prefeitura também funcionarão, como os atendimentos do Descomplica SP e do Cate, além dos postos de saúde. Não houve redução da frota do transporte público, comum em feriados.

A data do dia 9 de julho celebra a Revolução Constitucionalista de 1932, um movimento paulista que lutou contra o governo do presidente Getúlio Vargas. Apesar de não ter tido “sucesso”, historiadores revelam que, graças a essa luta, Vargas foi obrigado a convocar uma Assembleia Constituinte e, em seguida, promulgar uma nova Constituição, em 1934.

O movimento iniciou em 23 de maio, mas eclodiu no dia 9 de julho, sob o comando dos generais Bertolo Klinger e Isidoro Dias. O levante se estendeu até o dia 2 de outubro de 1932, quando os revolucionários perderam para as tropas do governo. Mais de 35 mil paulistas lutaram e pelo menos 890 pessoas morreram nos combates.